Investigação em Energia

Investigação em Energia

Fale connosco

Av. 5 de Outubro, nº208 1069-203 Lisboa
(351) 217 922 700 / 800

Projeto SU-DG-IWG

Grupo de trabalho SET Plan “Implementação Geotérmica Profunda”

 (website do projeto: https://www.deepgeothermal-iwg.eu/) 

No SET Plan, a Europa estabeleceu suas ambições de energia renovável, incluindo na energia geotérmica. Um Plano de Implementação específico para a geotérmica foi lançado e está em execução. A fim de alcançar a meta de colocar a Europa na vanguarda do sistema energético de baixo carbono, é criado um Grupo de Trabalho (IWG) para concretizar o Plano de Implementação da Geotérmica Profunda (DG-IP), aprovado pelo Comité de Direção do SET Plan.

 

Foi criada uma unidade de suporte para o Grupo de Trabalho de Implementação da Geotérmica Profunda (DG-IWG) para atingir os objetivos do DG-IWG de forma eficiente e produtiva. A unidade de suporte possui três correntes de trabalho principais:

 

1) Fornecer ao DG-IWG informações e dados relevantes dos vários grupos de partes interessadas (stakeholders) para que o DG-IWG possa tomar decisões sobre as ações necessárias;

 

2) Promover e organizar iniciativas para mobilizar a comunidade geotérmica para implementar as ações identificadas no plano de implementação, por exemplo: workshops, intermediação, formação de consórcios e exploração dos resultados de ID&I;

 

3) Disponibilizar um serviço de secretariado para o DG-IWG para assistência em questões administrativas e apoio estratégico.

 

A Declaração de Intenções tem os seguintes objetivos:

  • Aumentar o desempenho do reservatório, resultando na procura de energia das bombas do reservatório para níveis inferiores a 10% da geração bruta de energia e no rendimento sustentável previsto para em menos 30 anos até 2030;
  • Melhorar a eficiência geral de conversão, incluindo o bottoming cycle, de instalações geotérmicas em diferentes condições termodinâmicas em 10% em 2030 e 20% em 2050;
  • Reduzir os custos de produção de energia geotérmica (incluindo de recursos não convencionais, sistemas geotérmicos estimulados - EGS e/ou de soluções híbridas que combinam geotérmica com outras fontes de energia renováveis) abaixo de 0,10€/kWhel para eletricidade e 0,05€/kWhth para calor até 2025;
  • Reduzir os custos de exploração em 25% em 2025 e em 50% em 2050, em comparação com 2015;
  • Reduzir o custo unitário da perfuração (€/MWh) em 15% em 2020, 30% em 2030 e 50% em 2050, em comparação com 2015;
  • Demonstrar a viabilidade técnica e económica de resposta a comandos do operador de rede, a qualquer momento, para aumentar ou diminuir a rampa de produção de 60% a 110% da potência nominal.

 

O Plano de Implementação identifica oito ações principais de I&I:

  • Calor geotérmico em áreas urbanas
  • Materiais, métodos e equipamentos para melhorar a disponibilidade operacional (altas temperaturas, corrosão, escala/dimensão)
  • Otimização de reservatórios convencionais e implementação de reservatórios não convencionais
  • Melhoria do desempenho (conversão em eletricidade e uso direto de calor)
  • Técnicas de exploração (incluindo previsão de recursos e perfuração exploratória)
  • Técnicas avançadas de perfuração / conclusão do poço
  • Integração de calor e energia geotérmica no sistema de energia e flexibilidade da rede
  • Centrais elétricas de emissões zero

 

Parceiros do projeto:

 

Apresentação da Support Unit Deep Geothermal Implementation Working Group do SET Plan.pdf

DG-IWG

A responsabilidade exclusiva desta publicação é do autor. A União Europeia não é responsável por qualquer uso que possa ser feito das informações nela contidas. Este projeto recebeu financiamento do programa Horizonte 2020 da União Europeia sob contrato de subvenção No[838814 — SU-DG-IWG]